Epic não se preocupa com o CryEngine 3

Mike Capps, presidente da Epic, declarou que a sua companhia não está muito preocupada com a aposta da Crytek no mercado dos engines multiplataforma, terreno em que o Unreal Engine 3 tem dominado durante os últimos anos. Só para lembrar Bioshock e Batman AA são feitos usando a Engine Unreal.

“Sinceramente, tenho muito respeito por essa rapaziada. Conheço alguns que trabalham lá, e até contratámos alguns para a nossa equipe. Mas é difícil saber a sua posição. Eles disseram ‘vamos estar nos consoles, pressiona um botão e será extraordinário nas três plataformas. Crysis Warhead era para ser o seu primeiro jogo nos consoles, mas depois acabaram por cortar por completo o desenvolvimento nesses sistemas com o CryEngine 2, para surpreenderem com um novo.”

“Eles ainda vão ter de lançar um jogo nos consoles, enquanto que nós já levamos cinco anos nesta geração. Fico surpreso que as pessoas os levem a sério como companhia de engine multiplataforma. Não sabemos como competir com uma companhia que ainda não fez nada nos consoles. Têm potencial, mas fico esperando para ver.”

Capps aproveitou também para destacar a posição do Unreal Engine 3 nesta geração. “Tínhamos um motor compatível com o DX9 quando toda mundo ainda trabalhava no seu último jogo no Xbox ou no PS2, viram o UE3 e disseram ‘isto é um grande salto.’ Precisavam dele. O Unreal Engine 4 será ainda mais dominador na próxima geração.”

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: